MENU

Victor Pradella – Ao vivo na Casa da Colina

O projeto ‘Ao vivo na Casa da Colina’ começou a tomar forma em algumas conversas que tive com o Victor Pradella, guitarrista reconhecido dentro do mundo gospel, por ser guitarrista do Rodolfo Abrantes. Minha amizade com o Vitinho começou quando ele era endorse da Heavens Guitars, que lançou a Vitor Kley Heavens Guitars by Jeff Skas. Meu primeiro instrumento ilustrado à mão. Como morávamos próximos, em Florianópolis, em pouco tempo a arte nos uniu. Sempre lhe disse que ele deveria gravar um álbum solo, baseado nas suas regravações do Rodolfo, postadas no Youtube e reforçadas com suas participações no projeto Nossa Toca. Em pouco tempo, depois de uma conversa mais assertiva, recebo uma mensagem com a primeira canção: ‘Aquela velha árvore’. Naquele momento eu sabia que minhas suspeitas estavam mais do que certas. Vieram outras quatro canções e o desejo de registrar isso em vídeos. Fizemos a captação e fiquei responsável por editar os vídeos. Já que ele não tinha ficado muito satisfeito com o resultado. Preciosismo de produtor. Começamos a lançar os vídeos e com a repercussão positiva, o Vitinho me procurou para fazermos uma versão física. A barreira financeira foi vencida com um projeto junto ao Catarse, usando […]
Read More ›

Álbum – Vitor Kley

O álbum ‘Luz a Brilhar’ lançou o cantor Vitor Kley para a sua carreira que parece estar só iniciando, apesar do reconhecimento que já vem recebendo. Quando comecei a atender o Vitor, com seu primeiro site, ele já buscava o meu trabalho como ilustrador e não somente como diretor de arte. E não foi diferente quando iniciamos as conversas sobre seu álbum. Este tipo de ilustração é inspirada nas ilustrações e no colorido psicodélico das artes usadas pelos Beatles no álbum ‘Sgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band’. A primeira vez que usei este tipo de recurso visual foi para a grife Rosa Line, quando o tema da coleção era justamente a psicodelia dos anos 70. Depois usei na decoração da Thapyoka Bar e Boate e para a loja multimarca By Bali entre 2008 e 2010. O estilo ficou lá, perdido no tempo até que o Vitor me pediu uma arte com este mesmo tipo de traço. Além da criação do álbum, também fiquei responsável pela ação de lançamento do disco através das redes sociais. Em três dias o cd foi baixado mais de 3.000 vezes e a fanpage recebeu mais de 600 novos participantes, ultrapassando a marca dos 17.000 seguidores. Hoje […]
Read More ›